Coafs Seridó inaugura sede própria em São João do Sabugi

A sede própria da Cooperativa Mista dos Agricultores Familiares do Seridó (Coafs) em São João do Sabugi – município distante 302 quilômetros de Natal – foi inaugurada nesta sexta-feira (25) com a presença da governadora Fátima Bezerra. A governadora também entregou o registro para funcionamento da queijeira do produtor José Carlos, em São José do Seridó. 

A Coafs Seridó reúne 93 famílias de produtores e em 2021 comercializou mais de R$ 1 milhão através do Programa Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes), estadual e municipais. As famílias produzem queijo de coalho e manteiga, manteiga de garrafa, hortifrutis, doces, lambedores e temperos.

A sede da Cooperativa tem câmara fria, salas de embalagens e de estoque, auditório e salas para administração. A cooperativa também conta com um caminhão frigorífico e uma caminhonete. O investimento é no valor de R$ 1 milhão na estrutura física e equipamentos, com recursos da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas) e do Projeto Governo Cidadão, que opera com empréstimo feito ao Banco Mundial.

Fátima Bezerra afirmou que o investimento estimula a produção e comercialização da agricultura familiar, incrementa o setor, melhora a condição de vida dos produtores e leva alimentos saudáveis à população. “O que fizemos aqui é para fomentar, incentivar o desenvolvimento rural na região, com foco na bacia leiteira. Isso é emprego, dignidade e trabalho para o povo”, disse. 

Alexandre Lima, titular da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf), enfatizou a reestruturação do setor no atual governo. “Com a organização do setor, o Estado apoia e estimula a produção. Vai continuar com o programa estadual de compras, o Pecafes, e ampliar com as compras para os hospitais. Vamos comprar mais R$ 1 milhão em leite pasteurizado e mais R$ 7 milhões em queijos aos produtores no RN. Isso é atenção e compromisso com o produtor e com a sociedade, estimulando o crescimento da nossa economia”, declarou. 

Secretário de Estado de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Projeto Governo Cidadão, Fernando Mineiro lembrou que há 3 anos ninguém acreditava nos projetos de apoio à agricultura familiar no RN. “Mas, três anos depois, estamos aqui entregando a sede da Cooperativa e o registro de uma queijeira, do produtor José Carlos. Ele agora já pode comercializar sua produção legalmente em todo o estado. Esta é uma conquista importante para a cadeia econômica do leite e para o desenvolvimento do nosso estado, resultado de muito trabalho para corrigir erros de projeto e destravar procedimentos.” 

Além desta, 24 queijeiras serão concluídas, “tudo resultado de um trabalho conjunto de vários órgãos do Governo como o Governo Cidadão, Sape e Idiarn, sob orientação da governadora Fátima Bezerra, que está promovendo uma verdadeira revolução na cadeia produtiva do leite. Brigamos para cumprir o que está escrito, contratado, e para cumprir compromissos com o povo. Dos 328 projetos do Governo Cidadão com problemas, apenas 22 não concluímos e 16 pedimos os recursos de volta e estamos executando”, informou Mineiro. 

Presenças

Acompanharam a governadora secretários de Estado – Iris Oliveira (Sethas); Daniel Cabral (Comunicação); adjunta do Gabinete Civil, Socorro Batista; adjunto da Sape, Marcelo Júnior – o diretor geral do Idiarn, Mário Manso; diretor técnico do Sebrae, João Hélio; coordenador do projeto Leite e Derivados do Sebrae, também representando a Anorc, Acácio Brito. 

Presentes ao ato de inauguração os deputados Francisco Medeiros (Francisco do PT) e Ubaldo Fernandes, representando a Assembleia Legislativa; o prefeito de São João do Seridó, Anibal Pereira; as prefeitas de Jandaíra e São Vicente, Marina Dias Marinho e Jane Maria Soares de Medeiros; vereadores, dirigentes de Cooperativas da região, de Sindicatos de Trabalhadores Rurais, Fetarn, Sicred, Sicoob, BNB, CEF.

O Sistema OCERN foi representado pelo vice-presidente Joseilson Medeiros (Ramo Agro), pelo superintendente Eduardo Gatto e os diretores Arlindo Barbosa de Araújo (Ramo Consumo) e Roniere Carvalho de Lima (Ramo Transporte). Também presente no evento o coordenador do Núcleo de Representação Cooperativista do Seridó, Vanderli Araújo, além de representantes do Sicredi Rio Grande do Norte, Sicoob Potiguar, Cooapafama, Coopbens, Coopefarma, Coopex, Coopercacho, Capesa e Frutcoop.

O Investimento 

• Benefício direto para 93 famílias cooperadas de dez municípios (São João do Sabugi, Caicó, Serra Negra do Norte, Jardim de Piranhas, Jucurutu, São José do Seridó, Cruzeta, Acari, Lagoa Nova e Jardim do Seridó).

• Ação fomenta a agricultura familiar e promove dignidade, emprego e renda.

• Além de sede administrativa, o novo prédio tem capacidade de armazenagem de 15 mil quilos de queijo na nova câmara fria atendendo  famílias que não tinham onde guardar os produtos.

• Obra é fruto do Convênio 005/PINS/2018 que tem como objetivo: apoio financeiro para construção de unidades de processamento e beneficiamento de leite e derivados com fortalecimento da comercialização. Subprojeto centrado na Cooperativa Mista dos Agricultores Familiares de São João do Sabugi – COAFS.